Tubulação Teste de estanqueidade de gás -- AAA MANIGLIA TESTE

SAC: SP - (011) 2456 9840 - (011) 2456 6395 *30 ANOS DE EXPERIÊNCIA*
Ir para o conteúdo

Menu principal:

A A A A Maniglia,teste hidrostático,Nr-13,estanqueidade gás natural,GLP,acha,caça vazamentos,tubulação de gás, AVCB, Laudo para Bombeiro,requalificação tanque cetesb, estanqueidade glp,gás natural, ar comprimido, saac, inspeção , autoclave, caldeira, caldeiraria, compressor de ar, gnv, teste hidrostático, laudo técnico, manômetro, válvulas de segurança, nr13, segurança do trabalho, vaso de pressão, ultra som, segurança no trabalho nr -13  ,inspeção em tubulação,nr-13 portaria 594 de 28/04/2014,
 


Atenção: De acordo com a nova NR-13. Modificada pela Portaria 594 de 28/04/2014
 
Item: 13.3.11.4. O empregador deverá apresentar, quando exigida pela autoridade competente do órgão regional do Ministério do Trabalho e Emprego, a documentação mencionada nos itens 13.4.1.6, 13.5.1.6 e (13.6.1.4.)
 
Item: 13.6-Tubulações (de Gás natural, GLP, outros inflamáveis, etc. Classe A e B).
 
Item: 13.6.1.4. Todo estabelecimento que possua tubulações, sistemas de tubulação ou linhas deve ter a seguinte documentação devidamente atualizada:
 
a) especificações aplicáveis às tubulações ou sistemas, necessárias ao planejamento e execução da sua inspeção;
 
b) fluxograma de engenharia com a identificação da linha e seus acessórios; (PLANTA + ISOMETRICO).
 
c) PAR em conformidade com os itens 13.3.6 e 13.3.7;
 
d) relatórios de inspeção em conformidade com o item 13.6.3.9.
 
13.6.1.5. Os documentos referidos no item 13.6.1.4, quando inexistentes ou extraviados, devem ser reconstituídos pelo empregador, sob a responsabilidade técnica de um PH.(Profissional Habilitado.)
 
13.6.1.6. A documentação referida no item 13.6.1.4 deve estar sempre à disposição para fiscalização pela autoridade competente do Órgão Regional do Ministério do Trabalho e Emprego, e para consulta pelos operadores, pessoal de manutenção, de inspeção e das representações dos trabalhadores e do empregador na Comissão Interna de Prevenção de Acidentes - CIPA, devendo, ainda, o empregador assegurar o acesso a essa documentação à representação sindical da categoria profissional predominante no estabelecimento, quando formalmente solicitado.          
 
13.6.3.6. As inspeções periódicas das tubulações devem ser constituídas de exames e análises definidas por PH, que permitam uma avaliação da sua integridade estrutural de acordo com normas e códigos aplicáveis.          
 
13.6.3.8. A inspeção periódica de tubulações deve ser executada sob a responsabilidade técnica de PH. ( Profissional Habilitado).
 
13.6.3.9. Após a inspeção de cada tubulação, sistema de tubulação ou linha, deve ser emitido um  relatório de inspeção, com páginas numeradas, que passa a fazer parte da sua documentação, e deve conter no mínimo:
 
a) identificação da (s) linha(s) ou sistema de tubulação;
 
b) fluidos de serviço da tubulação, e respectivas temperatura e pressão de operação;
 
c) data de início e término da inspeção;
 
d) tipo de inspeção executada;
 
e) descrição dos exames executados;
 
f) resultado das inspeções;
 
g) parecer conclusivo quanto à integridade da tubulação, do sistema de tubulação ou da linha até a próxima inspeção;
 
h) recomendações e providências necessárias;
 
i) data prevista para a próxima inspeção;
 
j) nome legível, assinatura e número do registro no conselho profissional do PH e nome legível e assinatura de técnicos que participaram da inspeção.
 
 
Portanto: É obrigatório o Teste de Estanqueidade NR-13 e Deverá ser apresentado  a autoridade Competente do Ministério do Trabalho e emprego. E deverá ser entregue aos Bombeiros por ocasião da Renovação do (AVCB).
 
O AVCB (Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros) é um documento concedido pelo poder público estadual (Corpo de Bombeiros da Polícia Militar) que certifica o cumprimento das normas de segurança contra incêndio e a Regularidade da edificação/instalação na data da vistoria.
Um dos itens exigidos para a emissão do AVCB é a realização do teste de estanqueidade quando existirem instalações canalizadas de gases combustíveis. Precedendo o teste, emite-se a ART (Anotação de Responsabilidade Técnica) competente e, Depois de concluído o teste de Estanqueidade será emitido um laudo técnico conclusivo sobre os resultados obtidos, assinado pelo
Profissional Habilitado CREA. (PH), (Devidamente Credenciado). Sem a certificação representada pelo AVCB, é justo que uma seguradora se negue a pagar ou reduza a indenização em caso de um sinistro.  
 
Observações Severas- Todo Teste de estanqueidade deve seguir rigorosamente Normas Técnicas (ABNT), Instruções Técnicas do Corpo de Bombeiros e orientações dos fornecedores de Gás Natural.
O teste de Estanqueidade deve ser realizado por (PH)Profissional Habilitado CREA., periodicamente a cada 12 meses.



VISITE :          
                                                                                                                                                                                                                                                       


SAC:   SP -  (011) 2456 9840 -       (011) 2456 6395          |          maniglia@maniglia.com.br

Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal